As mães são muito más umas para as outras.

As mães são muito más umas para as outras.

Sim, leu bem. As mães são muito más umas para as outras, sim!

E não adianta pensar ou dizer “eu não” porque não é a realidade.

Passamos a vida a comparar os nossos filhos, consciente ou inconscientemente.

Às vezes não dizemos, mas pensamos com os nossos botões “ai se fosse comigo”. Tretas! Era igual, parecido ou pior.

E enquanto não formos mais solidárias umas com as outras vamos andar a “arrancar cabelos”.

Vamos a um blog ou grupo de mães e lê-se cada comentário, cada opinião, que assusta. Assusta muito.

Mas será que ainda ninguém percebeu que não existe nenhum manual que nos ensine a ser mãe? Que aprendemos com os erros e também com as vitórias.

Que ser mãe é uma aprendizagem diária que não tem fim. Tanto achamos que está tudo controlado como de repente andamos para trás a longos passos de caranguejo e pensamos que não sabemos nada disto.

Sermos más umas com as outras só vai fazer com que por um minuto que seja nos sintamos com o ego mais elevado (ainda que mal) e que a outra mãe do outro lado, que nós “pisamos” está a sofrer por uma coisa que também já sofremos ou ainda iremos sofrer. O sentimento de impotência.

 

Vamos lá ser mais solidárias umas com as outras por favor.

 

Partilhar este post...
Tópico anterior Próximo post

Comentarios

Deixe comentário